Friday, August 08, 2008

PAI



Pai

Este é o primeiro ano ,
em mais de meio século,
que não estás comigo...

Perdi meu abrigo
o chão
a direção
o rumo
o prumo
meu norte
Perdi minha referência
Meu modelo mais forte
Perdi meu herói!


Já não há festa
Não há bolo
Não há poesia
Não há violão
Não há alegria
Não há você aqui...

Apenas uma dor que
Rasga meu coração
E um gosto amargo
Que provoca esta ânsia
Em meu viver...

Benvinda Palma

2 comments:

Veneranda Pedroza said...

Oi minha linda... engana-se se acredita que perdeu seu chão, sua direção, sua referência... ele, e tudo o que ele te ensinou, está bem vivo dentro de você!

Mas entendo que a saudade é dolorida e as lágrimas turvam nossos olhos até mesmo para o que está na nossa frente... que dirá para o que está dentro de nós!

Adoro ler-te! É sentimento brotando, pulsando, sua poesia é você Bê!

Beijo grande, te amo.

Loba said...

Olha acho que pensaria como voce...amo meu paisinhu e maesinha, acho que se perdemos eles, a vida se torna diferente, nao tem jeito ne, mas amei seu blog, e torco pra vc aceita, afinal deus esta com vc, e tenha fe, nosso dia chegara e encontraremos eles e mataremos a saudades, mesmo nao tendo perdido meus pais ainda tenho pavor bjssssssss..se cuida linda...