Saturday, March 18, 2006

VÃ CONQUISTA

A temperatura global aumenta
A sensibilidade humana despenca
O homem, pobre coitado!
Perdido, alucinado
Não se dá conta do real
Oco de coração
Cego por ambição
Busca freneticamente
O aumento de capital
Vã conquista
Para que sozinho ele assista
Ao cataclismo final


Benvinda Palma
Adm.SPP
))§(

1 comment:

Ludiro said...

Dígno de um grande poeta!!
A sencibilidade ai teve vôos de Ben-te-vi, bem alto e feliz!!
Realmente Benvinda, você consegue escrever de uma maneira encantadora!!
^^Ludiro^^