Monday, December 25, 2006

Súplica

Despeça-se de mim...
Diga-me ADEUS...
Chame-me : des(VAI)rada,
Desequili(brada,)
Doente mental...
Não faz mal...
Aceito seus elogios
Seja bastante frio!
Retorno às estrelas
À lua...
A marte....coisa do passado...
Já não sou sua!
Mande-me para qualquer lugar...
Mas, pelo amor de DEUS!
Não ignore os recados MEUS!

Benvinda Palma

1 comment:

vanessa frasson said...

estava vendo alguns blogs d poesia e

encontrei o teu xDD

axei interessante esse teu poema..

a pior coisa eh nossos recados serem

ignorados =p

súplica...

um bom título,p um bom poema #)

=*